Os 8 Melhores Livros de RPG: Grandes Aventuras para os Participantes 

Procurando por livros de RPG? Fizemos uma lista com os melhores para você e seus amigos terem longas e divertidas jornadas.

Não importa quão bom um mestre é ou quão experientes são os jogadores. Se eles não tiverem, à sua disposição, bons livros de RPG, a experiência tem tudo para ficar comprometida.

Algo que deveria gerar entretenimento acaba apenas avolumando mais trabalho e cansaço.

Pior, ainda afasta pessoas que não têm a cultura dos jogos de RPG de mesa por ficarem com uma impressão completamente equivocada a respeito do gênero.

Portanto, bons livros de RPG são importantes não apenas para garantir a diversão, mas para fazer a melhor divulgação possível do gênero.

Veja abaixo nossa seleção especial com as melhores obras do gênero e prepare-se para viver grandes aventuras!

RPG: livros que você precisa conhecer

Livros de RPG são fascinantes! Gostou desta lista de livros de RPG? Ficou interessado em saber mais detalhes sobre cada livro para ter certeza sobre o seu próximo investimento?

Confira nos próximos tópicos um pouco da história e do universo de cada um deles.

1. Dragon Age, de Chris Pramas

livro dragon age

Abrindo a lista de seleção de livros de RPG, temos a série “Dragon Age”. Calma. Se você acha que se trata de uma famosa franquia de jogos virtuais produzidos pela produtora Bioware, também está certo.

Sim, de fato o jogo veio ao mundo no formato digital, contudo não estamos propondo que largue os livros, dados e tabuleiros e vá parar em frente à TV.

Ocorre que Dragon Age estourou no Playstation 2 por se inspirar no modelo mais tradicional dos RPGs de mesa e, ligada nisso, a Bioware não tardou em adaptar o jogo para um RPG tradicional por meio de livro.

Ricamente ilustrado por Chris Pramas, esta edição de Dragon Age não se trata apenas de uma adaptação burocrática e apressada da franquia de jogos para o modelo clássico de jogos de RPG.

Ele apresenta um sistema de combate original, o Game Engine Adventure, e inclusivo, pois sua aprendizagem é fácil, mas sem tornar o jogo monótono. Muito pelo contrário, proporciona diversas situações tensas e emocionantes.

“Dragon Age” é um sucesso absoluto tanto no mundo dos games eletrônicos como no de RPGs de mesa. Se você procura por novas emoções no gênero ou quer se aprofundar mais nessa diversão tão lúdica quanto tradicional, “Dragon Age”, sem dúvida, é uma boa pedida.

Aliás, você pode gostar também da nossa lista com os melhores livros de fantasia.

2. Tormenta RPG, de vários autores

livro tormenta

Seguindo com a seleção especial de livros de RPG, assim como “Dragon Age”, “Tormenta RPG” é uma opção viável para quem deseja debutar no gênero. Além de contar com um sistema de jogo amigável para novos jogadores, também os favorece por ser mais acessível em termos financeiros.

“Tormenta” foi desenvolvido para ser jogado com “Defensores de Tóquio”, atualmente conhecido como 3D&T. “Defensores de Tóquio” é um sistema que foi concebido para iniciantes no universo de RPG e sem muitos recursos para comprar livros importados.

Isso significa que se trata de um RPG brasileiro, o mais famoso e bem-sucedido já criado em nossas terras.

Ano passado, 2020, fez história ao lançar uma campanha no Catarse, site para financiamentos coletivos. A arrecadação bateu recordes e se tornou um grande case de sucesso na plataforma no Brasil.

O livro principal apresenta todas as regras para criação de personagens. Eles são divididos em 11 raças e 13 classes, além de poderem contar com mais de 600 magias e 150 talentos.

O produto conta ainda com material para que os mestres possam criar suas próprias aventuras e ainda fornece 16 páginas extras para colecionadores.

“Tormenta” é um símbolo da paixão dos brasileiros por jogos de RPG, um trabalho cultivado há tempos e que por décadas continuou a atrair novos jogadores e encantar gerações.

Procurando por um livro de RPG para embarcar de vez no gênero e viver grandes aventuras com os seus colegas? Considere “Tormenta” na sua vida.

Aproveitando: se é de aventura que você gosta, não se esqueça de ler nossa seleção com os melhores livros do gênero.

3. Fighting Fantasy (Aventuras fantásticas), de Ian Livingstone, grande destaque dentre os melhores livros de RPG

livro aventuras fantasticas

Dando sequência à seleção especial de livros de RPG, o da vez se trata de um clássico do mundo de fantasia do RPG, uma obra que iniciou muitos no gênero e foi uma das responsáveis por sua popularização no ocidente, “Fighting Fantasy”. No Brasil, ficou mais conhecido como “Aventuras Fantásticas”, de Ian Livingstone e Steve Jackson.

Essa obra difere um pouco das demais, pois “Fighting Fantasy” não se trata exatamente de um livro de regras de um jogo de tabuleiro tradicional, mas de um livro-jogo.

Ou seja, uma obra literária com várias versões, várias histórias dentro de uma, cujo andamento da trama e seu desfecho dependem das decisões do leitor.

Isso mesmo. Em pontos-chave da história de “Fighting Fantasy”, é solicitado ao leitor fazer uma escolha antes de prosseguir com a leitura. Após se decidir, ele recebe instruções para seguir a leitura em determinada página até alcançar outro ponto-chave onde deverá fazer uma nova escolha.

As múltiplas possibilidades estimulam os leitores a ler e reler várias vezes o livro ao ponto de as páginas começarem a se desprender e ficarem gastas. O leitor é convidado a continuar navegando no universo ficcional construído e viver vários personagens e situações de acordo com as suas decisões e sorte.

Muito parecido com os jogos de RPG de mesa que viriam fazer sucesso mais tarde, muito inspirados por essa proposta de fantasia, traz múltiplas escolhas e imprevisibilidade.

Ian Livingstone foi um verdadeiro expoente desse tipo de literatura e considerado um dos grandes responsáveis pela inspiração e popularização de diversos dos jogos de RPG de mesa.

Portanto, se você está a fim de experimentar uma leitura diferente do que estamos acostumados a ver em livraria ou ter uma amostra da experiência RPG, “Fighting Fantasy” será uma experiência e tanto.

4. Game of Thrones, de Robert J. Schwaler

livro guerra dos tronos

Você sabe do que se trata “Game of Thrones, pois do contrário você estaria em outro planeta nos últimos anos!

Mesmo que não tenha lido a saga de George R. R. Martin ou assistido à série produzida pela HBO, você sabe que se trata de um mundo fantástico medieval, disputa pelo poder, vários personagens, tribos, casamento vermelho, incesto, dragões, enfim. Houve um momento que o mundo parava para falar de “Game of Thrones”.

Claro que, com esse estrondoso sucesso, uma editora pensaria em surfar a onda comprando os direitos autorais da saga para lançar produtos de RPG.

E se essa é uma jogada tão telegrafada quanto político comendo pastel na feira em campanha eleitoral – desde que não se faça cara de nojo, ou seja, faça bem feito.

Isso ninguém pode reclamar da Jambo Editora, que caprichou neste livro baseado no universo de “Game of Thrones” e sem dúvida já pode ser considerado um dos melhores livros de RPG dos últimos anos.

O sistema de jogo apresentado obviamente apresenta regras que tentam simular o clima fantástico de Westeros, cenário do mundo ficcional da saga de George R. R. Martin.

Neste universo, tanto a espada como as intrigas políticas são armas letais, o que exigirá muita estratégia de combate dos jogadores e de diplomacia para escolher os melhores aliados e os inimigos certos.

Confira também nosso conteúdo com as melhores sagas de todos os tempos!

5. Dungeons & Dragons, livro do jogador, de vários autores

livro dungeos e dragons

Depois de “Fighting Fantasy” e “Game of Thrones”, outro grande clássico dos livros de RPG. Também mencionado pela abreviação D&D ou DnD, estamos falando de “Dungeons & Dragons”. É um RPG de alta fantasia lançado em 1974 nos Estados Unidos.

A publicação de “Dungeons & Dragons” é considerado por especialistas do mercado editorial como a origem dos RPGs modernos.

O universo de D&D é povoado por monstros, tesouros e magias, onde os jogadores escolhem uma das diversas raças disponíveis e entram nesse “mundinho” vestidos pelos personagens de preferência. Eles interagem entre si e, juntos, precisam encontrar soluções, superar desafios, escapar de armadilhas, se envolver em batalhas épicas para sobreviver e atingir seus objetivos.

“Dungeons & Dragons” se destacou dos demais por permitir que os jogadores pudessem controlar apenas um personagem ao invés de um exército, como era tradicional até então.

Em D&D é comum usar marcadores ou miniaturas em tabuleiros quadriculados para representar os personagens no jogo.

É também mérito da franquia o pioneirismo de apresentar o conceito de “Mestre do Jogo”. Esse mestre é responsável por agir como juiz e narrador.

Fica a seu encargo descrever o cenário do jogo e seus desafios, assim como aplicar as regras em cada situação descrita.

Ele segue regras básicas para descrever o universo ficcional, mas o interessante é que o mestre tem a liberdade de adicionar ou excluir detalhes, de alterar ordem de caminhos e desafios, ou seja, usar sua imaginação para proporcionar experiências de jogo sempre únicas e marcantes.

Jogar D&D é participar da história dos livros de RPG, fazer parte de uma grande comunidade espalhada pelo mundo, ter algo em comum com milhões de pessoas e experimentar entretenimento único e vicioso.

Divirta-se com os seus amigos, vivencie aventuras épicas, deixe sua imaginação voar livremente, jogue um dos melhores livros de RPG de todos os tempos: “Dungeons & Dragons”.

6. Gurps, de Steve Jackson e vários autores

livro gurps

Após “Fighting Fantasy”, “Guerra dos Tronos” e “D&D”, a obra da vez dessa seleção especial de livros de RPG é “Gurps”, um popular sistema de RPG.

Em “Gurps”, os jogadores podem selecionar personagens que defendem o lado do bem ou se alinham a grupos sinistros durante a jornada.

O visual caprichado, a história bem amarrada e os personagens cativantes não são de surpreender se considerarmos que um bom velho de guerra está por trás deste trabalho. Um dos pais de outro clássico de livros de RPG, já mencionados na presente lista, Steven Jackson, desta vez em parceria com os artistas Sean Punch e David Pulver.

A edição que destacamos é a quarta, publicada após revisão com as regras atuais. O volume tem 336 páginas e contém os comandos essenciais para os jogadores conseguirem se aventurar pelo universo fantástico de “Gurps”.

Faça sua compra desse que é um dos melhores livros de RPG da atualidade e garanta a diversão com seus amigos e familiares.

7. Player’s Handbook D&D

livro players handbook

Prosseguindo com a seleção especial de livros de RPG, “Player’s Handbook D&D” é um livro de jogador completo, o primeiro de três manuais fundamentais para jogar a quinta edição do D&D.

No volume, há as regras de como os players devem ser criados e como devem participar da história narrada pelo Dungeon Master (DM, Mestre do Jogo). Caso esse conceito lhe seja estranho e não tenha lido todo o post até aqui, recomendamos que vá ao tópico sobre “Dungeons & Dragons” para mais informações.

Como é típico de livros de RPG, o universo pende para a fantasia, embora não seja uma regra. Há universos que se baseiam em ficção científica e outros gêneros, como terror. Contudo, a fantasia é o tema mais popular e por isso predominante nos livros de RPG.

No entanto, para essas obras se destacarem, precisam apresentar algum diferencial, seja no enredo, nos personagens ou nos sistemas de combate e, sem dúvida, “Player’s Handbook D&D” preenche ao menos um desses requisitos.

Apresenta pequenas, mas interessantes inovações nas regras do jogo como a soma do bônus de proficiência ao teste, um número igual para todas as classes.

Questão de maior relevância e mais facilmente compreensível para jogadores de RPG experientes, portanto, esse livro de RPG é indicado para os de perfil mais avançado em livros de jogos de RPG.

A edição tem 320 páginas e é totalmente colorida. Além disso, a capa é dura e o papel do miolo é de excelente qualidade. Soma ainda a diagramação, que torna a leitura mais agradável, organização de capítulos muito prática e eficiente e ilustrações soberbas de encher os olhos.

8. Savage Worlds, livro de regras, de Shane Lacy Hensley, encerrando essa lista de obras de RPG

livro savage worlds

Fechando com chave de ouro essa lista de livros de RPG que já teve nomes de peso como “Fighting Fantasy”, “Dragon Age”, “Tormenta”, entre outros, a bola da vez é “Savage Worlds”, RPG de sistema derivado de um jogo de miniaturas de nome “Great Rail Wars” – jogo que, por sua vez, se trata de uma versão simplificada de “Deadlands”.

“Savage Worlds” tem seu sistema de jogo voltado para jogos de aventura e ação. Como referência, pense em “Indiana Jones”, “Conan” e “A múmia” e você entenderá a vibe do universo de “Savage Worlds”.

Uma das características que tornaram esse RPG popular foi o sistema de combate rápido e o seu grau de imprevisibilidade.

Se você não curte longas horas em uma partida, sem dúvida, “Savage Worlds” é um dos melhores livros de RPG para você e merece entrar na sua lista de produtos.

Gostou das nossas indicações com os melhores livros de RPG?

Esperamos que você tenha gostado de nossas indicações de livros! Aqui no Mural dos Livros, estamos sempre publicando listas como essa, das mais variadas editoras e gêneros, para aqueles que curtem ler grandes obras. Nosso objetivo é disseminar a magia da leitura por todo o Brasil!

Escolha seus livros de RPG favoritos e faça sua compra. Até a próxima!

Milhares de Livros em Promoções Diariamente na Amazon! Se você ama ler, não pode perder.