Dados sobre a Leitura no Brasil e no Mundo

Uma das características mais comuns entre quem tem o hobby de ler é, sem dúvida, a curiosidade. Afinal, a sede de conhecer coisas novas e aprender mais sobre o que já se sabe é um estímulo pela leitura e constrói o bom leitor.

Assim sendo, fizemos o caminho reverso e traremos neste texto uma série de curiosidades e dados sobre leitura!

Informações sobre livros publicados e vendidos, o hábito da leitura no Brasil e no mundo, livros impressos e digitais e muito mais te aguardam ao longo destes tópicos.

Portanto, deixemos de prolongar e vamos lá!

🇧🇷 Livros publicados no Brasil e no mundo

Saber a quantidade de livros publicados e impressos em cada país e, consequentemente, no mundo, é um tanto quanto complicado. Uma série de fatores estão envolvidos nisso.

Com relação aos impressos, não há muito o que fazer para se ter noção deste dado. Não existem órgãos ou estudos que fazem este levantamento esporádico. A real quantidade de livros impressos em cada local e data só seria possível ao se recolher tais dados com cada editora.

Em segundo lugar, a impressão de material há tempos já é feita de forma globalizada. Logo, livros publicados no Brasil e outros países são impressos fora deles. Portanto, é completamente diferente o mercado de impressão do de publicação.

E não apenas, mas o já instalado e crescente mercado de livros digitais deixa ainda mais nebulosa a estatística de livros físicos correntes no mercado. Isso porque computa-se as vendas de forma conjunta, e há apenas como saber os números caso se extrapole informações sobre esse nicho.

De toda forma, um importante dado que possuímos de forma mais clara é o de livros publicados por ano no Brasil e no mundo.

🌎 Publicação de livros no mundo

Um dado extremamente importante é a quantidade de livros publicados em um país. Não apenas sobre o hábito de leitura da população, mas também para mensuração da qualidade de vida e desenvolvimento da nação.

Mais livros indicam mais leitura, assim como diversidade e incentivo à busca de conhecimento.

Diferentes países apresentam dados de diferentes anos, uma vez que a computação deste é feita por estudos e outras formas em sua maioria, não por uma entidade responsável.

Em 2018, foram levantados dados com o auxílio de fontes variadas, como a International Standard Book Number (ISBN) e a UNESCO, e compilados em um estudo publicado pela International Publishers Association (IPA).

A pesquisa aponta que, no Brasil, publicou-se 46.829 títulos, o que nos coloca em 8º lugar entre os países presentes. O Reino Unido lidera a lista com 188 mil publicações. É seguido pela Itália, com 130.376, e logo depois pela Rússia, que publicou 116.915 livros.

Nomes como Alemanha (79.916 livros), México (18.577), Canadá (12.651) e Argentina (9.931) estão presentes no levantamento.

 

🇧🇷 Publicação de livros no Brasil

Porém, esses dados se limitam a livros educacionais e não-ficção. Com os dados da Nielsen e SNEL, temos um panorama mais correto do cenário editorial no Brasil.

Esse levantamento é feito utilizando a quantidade de registros na ISBN, o sistema de identificação internacional para livros e softwares.

A quantidade de títulos registrados na ISBN em cada um dos últimos anos foi:

  • 2020 – 150.231
  • 2019 – 135.221
  • 2018 – 143.868
  • 2017 – 139.523
  • 2016 – 118.179

Apesar da oscilação, fica clara a curva crescente no número de títulos sendo registrados para publicação no Brasil em cada ano.

Dados completos e detalhados sobre as publicações e vendas, bem como comparativos e análises diversas referentes a valores dos livros e categorias, podem ser encontrados na página de pesquisas da SNEL.

📚Editoras no Brasil

Nosso país possui mais de 100 editoras distribuídas pelos estados. Dado o tamanho territorial e diversidade cultural, nossa literatura é rica e variada. Logo, editoras locais e independentes cumprem importante papel na valorização da literatura regional e tradicional.

No entanto, alguns grupos editoriais e editoras se destacam no cenário nacional. Elas possuem enorme alcance e visibilidade e vendem milhares de unidades de títulos aclamados e clássicos, bem como de lançamentos, nacionais e internacionais.

Dentre as de maior destaque, nós temos:

  • Companhia das Letras
  • Aleph
  • Suma
  • Intrínseca
  • Grupo Editorial Record
  • Editora Rocco
  • Globo Livros
  • Darkside Books
  • Harper Collins
  • Editora Arqueiro

♻️ Reciclagem de livros

Igualmente ao início do processo – a impressão e publicação –, obter dados sobre a reciclagem de livros no Brasil é bastante complicado. Afinal, nenhum órgão faz o controle destes números.

O que sabemos é que cerca de 63,4% do papel reciclável utilizado no Brasil foi encaminhado para reciclagem no ano de 2018 segundo a Associação Nacional dos Aparistas de Papel (ANAP).

Com relação aos livros, e principalmente livros didáticos, desde 2012 o Projeto Laboratório Papel e Celulose, do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), iniciou uma série de métodos e esforços para aumentar as taxas de reciclagem.

Isso porque reciclagem de livros é mais complicada. A cola, as tintas e outros elementos utilizados nos livros possuem produtos químicos que inviabilizam ou dificultam o processo. Desta forma, é preciso um protocolo diferente e de atenção especial nesse setor.

📖 Venda de livros no Brasil e no mundo

Por outro lado, é bem mais simples de se computar e encontrar dados sobre vendas de livros no Brasil e no mundo.

Assim sendo, no ano de 2020 foram vendidas 41,9 milhões de unidades em território nacional segundo a Nielsen e o Sindicato Nacional dos Editores de Livros (SNEL). Isso corresponde a um faturamento de 1,47 bilhões de reais para os varejistas de livros.

Já no mundo, dados de 2017 compilados pela BookMap.Org indicam que o mercado de livros movimenta 143 bilhões de dólares em escala global. Desse montante, a Alemanha detém 31%, 29% são representados pelos Estados Unidos e a China aparece em terceiro lugar, com 17% do mercado global em livros.

Livros mais vendidos

Conhecer quais livros foram os mais vendidos de todos os tempos nos mostra aqueles títulos e autores mais influentes e como eles marcaram a histórias da literatura.

🌎 No mundo

Entre os livros mais vendidos no mundo vemos nomes aclamados da fantasia, principalmente. Eles formaram gêneros, criaram universos amados até hoje e incentivaram milhões de pessoas ao redor do globo a ler e conhecer cada vez mais.

São obras realmente atemporais. Até hoje elas são publicadas e encantam novas gerações, revelando novos universos e possibilidades além da imaginação.

Veja a lista:

  1. Don Quixote, de Miguel de Cervantes – 500 milhões
  2. Um conto de Duas Cidades, de Charles Dickens – 200 milhões
  3. O Alquimista, de Paulo Coelho – 150 milhões
  4. O Senhor dos Anéis, de J.R.R. Tolkien – 150 milhões
  5. O Pequeno Príncipe, de Antoine de Saint Exupéry – 142 milhões
  6. Harry Potter e a Pedra Filosofal – 107 milhões
  7. O Hobbit, de J.R.R. Tolkien – 100 milhões
  8. E Não Sobrou Nenhum, de Agatha Christie – 100 milhões
  9. O Sonho da Câmara Vermelha, de Cao Xueqin – 100 milhões
  10. Ela, a Feiticeira, de H. Rider Haggard – 100 milhões

🇧🇷 No Brasil

Segundo o site FlavorWire, o livro mais vendido do Brasil é Agape, do Padre Marcelo Rossi. Esta obra de auto-ajuda alcançou a incrível marca de 7.7 milhões de cópias.

Porém, não há nenhuma lista compilada de títulos mais vendidos de sempre. Temos acesso a dados referentes aos mais vendidos anualmente, levantados pela PublishNews.

Em 2020 a lista foi dominada pelos livros de auto-ajuda e motivacionais, com apenas uma ficção aparecendo entre eles. Os títulos foram:

  1. Mais Esperto Que o Diabo, de Napoleon Hill – 113.041
  2. A Sutil Arte de Ligar o F*da-se, de Mark Manson – 104.649
  3. Do Mil ao Milhão, de Thiago Nigro – 77.862
  4. O Milagre da Manhã, de Hal Elrod – 62.235
  5. Decida Vencer, de Eduardo Volpato – 48.946
  6. O Poder da Autorresponsabilidade, de Paulo Vieira – 47.641
  7. Seja Foda!, de Caio Carneiro – 46.790
  8. O Sol da Meia-Noite, de Stephenie Meyer – 44.401
  9. Os Segredos da Mente Milionária, de T. Harv Eker – 44.185
  10. Mulheres Que Correm Com os Lobos, de Clarissa Pinkola Estes – 43.744

🤓 O hábito da leitura no Brasil e no mundo

O hábito da leitura no Brasil ainda não é dos mais fortes. Dadas as condições sócio-econômicas do país e acesso aos livros, é de se esperar que deixamos a desejar em índices de leitura.

Segundo o Pró-Livro, em estudo conduzido nos três últimos meses de 2019, o brasileiro leu por completo, em média, 1,05 livros nesse período. Entre os que se dizem leitores, a quantidade sobe para 2,04. De forma geral, é menos de um livro por mês.

Quando comparamos com o resto do mundo, o Brasil fica muito abaixo dos principais países quando se trata de tempo de leitura semanal.

A Índia encabeça a lista, com uma média de 10,7 horas semanais de leitura por habitante. Em seguida temos a Tailândia (9,4 horas semanais), China (8h), Filipinas (7,6h) e Egito (7,5h). O Brasil aparece em 27º, com uma média semanal de 5,2 horas de leitura por habitante.

Dessa forma, pouco progresso foi feito neste sentido nos últimos anos. Em 2015, por exemplo, a média era de 1,06 livro por pessoa no período do estudo.

Além disso, registrou-se uma queda de 4% na quantidade de brasileiros que possuem o hábito da leitura entre as pesquisas de 2015 e 2019. Esse número foi de 52% em 2019.

Há mais pessoas do gênero feminino lendo, conforme indica o estudo. 59% delas responderam possuir o hábito de ler, contra 52% dos homens. Já com relação à faixa etária, o público que mais lê no Brasil são os pré-adolescentes de 11 a 13 anos. Destes, 84% lêem com frequência.

Categorias mais lidas no Brasil

Levando em conta as percentagens referentes a vendas, os livros mais lidos no Brasil são os de não ficção, com 55,17% do total, seguidos pela ficção, com 24,93% e infanto-juvenil e educacional, que representam 19,89%.

Estes dados são de 2020, levantados pela Nielsen e SNEL e ilustram de forma bastante clara a lista dos mais vendidos do ano, como observamos acima.

📱 Mercado digital de livros no Brasil

Muitos leitores ainda valorizam bastante o livro físico e o passar das páginas. Porém, o mercado digital chegou com força e veio para ficar. O mercado digital já corresponde a cerca de 20% nos Estados Unidos.

Aqui no Brasil, este número fica em 4% segundo levantamento da Nielsen e SNEL no ano de 2020. Apesar de parecer pouco, houve um crescimento de 140% no faturamento entre 2016 e 2019, informa o estudo.

O acervo de e-books brasileiro já possui mais de 71 mil títulos, 8,9 mil deles lançados no ano de 2019. Em termos financeiros, neste mesmo ano o segmento faturou mais de 70 milhões de reais.

Mundialmente falando, o mercado de e-books já faturava 5 bilhões de dólares em 2015.

Audiobooks no mercado nacional

Quando tratamos de audiobooks, dentro do mercado digital de livros, apenas 4% dos títulos digitais possuem versão em áudio. É uma fração pequena dentro de um mercado também pequeno, mas que cresce a cada ano.

Dentre os que consomem audiobooks, 42,6% possuem entre 25 e 34 anos. A maioria são mulheres, que representam 57% do total, e 72% ouvem através de um celular. Estes dados são divulgados pela plataforma AutiBooks e nos dão uma ideia do cenário de audiobooks no Brasil.

🥰 Livros e suas curiosidades

Qual foi o primeiro livro impresso?

A chamada Bíblia de Gutenberg foi o primeiro livro impresso no mundo, escrito em latim e com um total de 641 páginas. O trabalho teve início em 1455 e demorou 5 anos para ser concluído!

Qual o maior livro do mundo?

Das Buch des dickste Universums (O livro mais denso do Universo), da editora alemã Zeitgeist Media GMBH, possui 4 metros de lombada, 50.560 páginas e pesa 220 kg!

Essa monstruosidade literária foi realizada pelo Ministério Federal dos Transportes da Alemanha e é um compilado de textos de desenhos feitos por crianças para um concurso.

Livros mais lidos de todos os tempos

Estima-se que a Bíblia seja o livro mais lido de todos os tempos. Não só por tempo de circulação, mas também por número de vendas, distribuições gratuitas e alcance da religião cristã.

Também assume-se outras obras como alguns dos livros mais lidos de todos os tempo,  tais como O Alcorão e O Livro Vermelho, de Mao Tsé Tung.

Quantos livros existem no mundo?

Segundo o Google, em um levantamento feito no ano de 2010 para o projeto Google Books, existem 129.864.880 livros no mundo.

Recorde mundiais envolvendo livros

Alguns recordes curiosos e divertidos envolvem livros. Entre eles, temos:

  • Livro mais caro em leilão: Birds of America, vendido por 7,3 milhões de euros em 2018.
  • Maior título de livro: escrito pelo Dr. Sreenathachary Vangeepuram, da Índia, em 2010, o título do livro possui 5.633 caracteres formando um total de 1.086 palavras.
  • Maior tempo girando um livro na ponta do dedo: o recorde é de 30 minutos e 1,08 segundos, marcado por Thaneswar Guragai, do Nepal.

Milhares de Livros em Promoções Diariamente na Amazon! Se você ama ler, não pode perder.