Os 11 Melhores Livros de Stephen Hawking

melhores livros stephen hawking

O físico Stephen Hawking é um dos mais renomados e influentes físicos da história, sendo considerado um dos cientistas mais brilhantes dos nossos tempos. Apesar da doença degenerativa que o assolava, trouxe à humanidade estudos de grande impacto à ciência moderna.

Como cientista, Stephen Hawking é considerado um dos gênios e alcançou grandes méritos que ratificam essa ideia!

Ao começar por ter ocupado por trinta anos a cátedra de Professor Lucasiano na Universidade de Cambridge, uma das mais respeitadas e prestigiadas do mundo, posição já ocupada pelo matemático, físico e astrônomo Isaac Newton.

Seus feitos na Universidade de Cambridge não pararam por aí, ele também foi diretor de pesquisa do Departamento de Matemática Aplicada e Física Teórica e fundador do Centro de Cosmologia Teórica; recebeu ao longo da vida inúmeros prêmios, dentre eles a Medalha Presidencial da Liberdade, a maior condecoração civil dos Estados Unidos.

Apesar de sua incontestável contribuição científica, o sucesso de Stephen Hawking não se deu única e exclusivamente por ser um físico dedicado em questões sobre a vida e a origem do universo.

O que tornou Stephen Hawking um ícone foi a forma como conduziu e se entregou completamente ao seu papel no mundo, lutando contra sua doença neurodegenerativa, justificando a sua existência e inspirando a humanidade com os seus livros, contribuindo para a ciência até pouco tempo antes de efetivamente morrer em 2018, aos 76 anos de idade em Cambridge, no Reino Unido.

Vamos conhecer os melhores livros de Stephen Hawking, cientista que deixou ao mundo um legado muito além de seu estudo sobre o buraco negro

Ao longo de sua vida, Stephen Hawking publicou mais de 20 livros, além de vários ensaios sobre suas teorias que, para muitos, soam como temas para histórias de ficção científica.

Sem dúvida alguma, suas publicações contribuíram substancialmente para o avanço da ciência, mas Stephen Hawking foi para além da comunidade de cientistas, pois suas obras contribuíram também para que as pessoas leigas tivessem acesso a um conteúdo científico de qualidade em linguagem simples, o que conferiu o título de Best Seller a alguns de seus livros.

A trajetória bibliográfica deste célebre físico britânico não conta somente com os vários títulos que abordam sua teoria científica em linguagem acessível para o público em geral, tais como “Uma Breve História do Tempo”, um dos seus livros mais famosos, mas também um livro autobiográfico e livros de literatura infanto-juvenil.

Apesar de toda a sua contribuição com a ciência, é possível dizer que sua verdadeira obra foi a história que contou além dos livros, ao longo de sua improvável longa permanência à Terra, marcada não só por teorias e temas sobre a origem da vida, Big Bang, relatividade geral, física de partículas e mecânica quântica, mas também por uma icônica história de amor, os desafios de se viver em uma cadeira de rodas e lidar com as adversidades decorrentes da esclerose lateral amiotrófica.

1. Uma breve história do tempo: do Big Bang aos buracos negros

livro uma breve historia do tempo

Publicado originalmente em 1988, este é o mais famoso dentre os livros de Stephen Hawking, considerado sua obra-prima, já vendeu mais de 10 milhões de cópias com traduções em mais de trinta idiomas, tornando Stephen o cientista mais famoso do mundo.

Facilmente encontrado em qualquer livraria do Brasil, é um livro de leitura agradável devido à escrita fluida, direta e permeada de bom humor que conduz o leitor de forma leve por questionamentos sobre a origem do universo, viagem no espaço temporal, levando-o a compreender algumas questões complexas sobre buracos negros, corpos celestes, o Big Bang, trazendo as ideias de maneira simples e ricamente ilustrada.

Em 256 páginas, o autor aborda diversas teorias, como a física de partículas, a existência de outras dimensões além das já conhecidas pelo homem, o que é o tempo e como é o movimento das galáxias!

“Uma breve história do tempo” é um ótimo livro de entrada para quem quer é totalmente leigo e tem um profundo desejo por conhecimento e muita sede por desvendar os segredos do universo.

2. O universo numa casca de noz

livro o universo em uma casca de noz

Com uma leitura ainda mais acessível que o livro “Uma breve história do tempo”, “O universo numa casca de noz” é uma extensão do livro anterior e, por meio de uma linguagem simples, Stephen Hawking se utiliza de questões cotidianas, tais como cartas de baralho, para explicar, tanto às pessoas comuns quanto aos cientistas, as descobertas que teve sobre a física teórica, mecânica quântica e o futuro da tecnologia.

Esta obra, publicada pela primeira vez em 2001, parece ficção científica, mas é pura astrofísica distribuída em 224 páginas!

Esbanjando o seu costumeiro bom humor, o autor apresenta discussões extremamente complexas com incontestável clareza e fluidez, tornando temas da astrofísica, outrora tão inacessíveis, simples e palatáveis.

É também um dos livros em que o físico britânico aprofunda as ideias que tem sobre a Teoria de Tudo, que consiste na unificação em uma só teoria de todos os fenômenos físicos conhecidos.

3. Minha breve história

livro minha breve historia

Pode-se dizer que este é um livro muito pequeno sobre alguém muito grandioso.

Com 144 páginas, o autor foi bem realista ao utilizar o termo “breve” no título, entretanto, é compreensível a brevidade de seus relatos, tendo em vista o estado de saúde de Stephen Hawking e sua elevada modéstia.

“Minha breve história” é considerado um dos livros autobiográficos mais marcantes da literatura mundial e vale a pena cada minuto de leitura, sendo um dos produtos literários mais vendidos no Brasil!

Neste livro lançado em 2013, Stephen Hawking conta sobre os diversos aspectos de sua vida, passeando por sua trajetória acadêmica de estudante comum ao posto de Professor Lucasiano na Universidade de Cambridge; sua luta por notoriedade profissional juntamente à batalha que travava há 50 anos devido à Esclerose Lateral Amiotrófica, conciliando com o Stephen Hawking pai e marido.

Ilustrado por fotos raras e momentos intensos, Stephen Hawking conta como o diagnóstico de sua doença degenerativa aos 21 anos de idade e as previsões de que teria no máximo cerca de 3 anos de vida foram os combustíveis para evoluir em seus estudos.

4. George e o segredo do universo

livro george e o segredo do universo

A primeira obra infantil de Stephen Hawkings, escrita com sua filha Lucy, vem ratificar a proposta do autor em tornar a ciência algo acessível a todas as pessoas, não só para físicos.

Por meio da criação de personagens e de história de aventuras em 340 páginas, ao escrever “George e o segredo do universo”, o autor Stephen Hawking conta às crianças suas teorias complexas sobre buracos negros.

A história traz muito além de ficção infanto-juvenil, pois utilizando-se de conceitos reais de suas pesquisas na física, Stephen Hawking embasa toda a aventura de George, a personagem principal que, com sua amiga Annie e um supercomputador, viaja pelo espaço sideral.

O autor e sua filha também escreveram uma continuação a este livro, deixando um legado também aos futuros cientistas, aprofundando suas ideias às crianças. Este segundo livro não possui publicações no Brasil e tem como título original “George and the cosmic treasure hunter”, algo como “George e o caçador do tesouro cósmico” em tradução livre.

Neste segundo livro, o autor Stephen Hawking traz mais da teoria científica que dedicou toda a sua vida, e chegou a dar entrevistas contando que as crianças são fascinadas pelos buracos negros e que a intenção com as obras infantis é preparar as crianças para leituras de livros como o seu aclamado “Uma breve história do tempo”, preparando-os para constantes questionamentos sobre outras galáxias e dimensões.

5. Computer resources for people with disabilities

livro computer resources for people with disabilities

Encomendado por Alliance for Technology Access, “Computer resources for people with disabilities” não está entre as publicações feitas no Brasil, mas isso não significa que ele não deva integrar esta lista e esperamos que seja um dos livros encontrados em várias lojas no país.

Nesta obra, o autor Stephen Hawking conta em 426 páginas como o cotidiano de pessoas com deficiência tem sido transformado positivamente pelas tecnologias que, cada vez mais, desempenham o papel de facilitar seu dia a dia e mudar como interagem com o mundo.

É um livro interessante porque Stephen Hawking o escreveu com conhecimento de causa, tendo em vista que ele próprio teve sua voz literalmente propagada ao mundo por meio dos recursos tecnológicos, uma vez que, em decorrência do estágio avançado da Esclerose Lateral Amiotrófica, necessitava de uma cadeira de rodas motorizada e adaptada com um computador que viabilizava a sua comunicação.

6. Uma nova história do tempo

livro uma nova historia do tempo

Esta obra, publicada originalmente em 2005, intitulada originalmente como “A Briefer History of Time” (“Uma brevíssima história do tempo”), foi escrita por Stephen Hawking e Leonard Mlodinow, sendo uma atualização dos conceitos trazidos em “Uma breve história do tempo”, um dos livros mais famosos e aclamados de Stephen.

Em 176 páginas, os autores apresentam novos resultados da teoria científica lançada ao mundo anteriormente, retomando conceitos e explicando-os com uma melhor didática e clareza, enriquecendo o legado de Hawking que passou sua vida em busca de uma teoria unificada de todas as forças fundamentais.

As informações adquiridas por Stephen Hawking e Leonard Mlodinow lançam um pouco mais de luz às questões mais antigas e buscadas em toda a existência humana, tais como a natureza do espaço e tempo, a história e o futuro do universo e o papel de Deus.

7. Buracos negros – palestras da BBC (Reith Lectures)

livro buracos negros

Neste curto livro de 64 páginas, encontram-se reproduzidas duas palestras realizadas por Stephen Hawking para a série Reith Lectures, promovidas e transmitidas pela rede britânica BBC, sendo considerado, ao lado dos outros livros de Stephen Hawking já publicados, mais uma importante obra de divulgação da ciência no mundo.

As duas palestras feitas pelo físico britânico se intitulam “Buracos negros não têm cabelo” e “Buracos negros não são tão negros quanto se diz” e o autor traz como tema as ideias de que os segredos do universo se desvendariam com a descoberta do funcionamento dos buracos negros e como eles desafiam a natureza do espaço e do tempo, tema presente em praticamente todos os seus livros.

8. A teoria de tudo: a origem e o destino do universo

livro a teoria de tudo

Publicado um ano após “O universo numa casca de noz”, em 149 páginas o autor Stephen Hawking propõe ao leitor um passeio que vai desde a história do surgimento das teorias sobre a origem do universo, até a descoberta de que o universo se encontra em constante expansão.

Por meio de uma leitura agradável, ele explora a física moderna, as teorias sobre a origem do universo, teorias do espaço temporal, e se aprofunda sobre buracos negros, sua área de estudo há mais de uma década, trazendo, por fim, questões a serem respondidas pela física sobre como combinar todas as teorias em uma só, atingindo o ápice da razão humana e conhecendo a mente de Deus.

9. Breves respostas para grandes questões

livro breve respostas para grandes questoes

Stephen Hawking, utilizando-se da tônica existente em seus outros livros, busca responder de maneira lúcida diversas questões sobre a natureza do tempo e a vida humana na Terra.

O último de seus livros, já publicado post mortem, pode ser considerado presente final de Stephen Hawking ao mundo. Nesta obra, é possível conhecer o que Stephen Hawking pensava sobre temas que intrigam a humanidade desde sempre, como a existência de Deus.

Além disso, “Breves respostas para grandes questões” apresenta, ainda, uma visão para o futuro, apresentando propostas para os problemas da modernidade, tais como a fome, a urgência do desenvolvimento sustentável e aspectos alarmantes como aquecimento global.

Este livro, publicado em outubro de 2018 (aproximadamente 7 meses após o falecimento do autor), além dos textos inéditos de Stephen distribuídos em 256 páginas, traz em sua publicação nomes de peso.

O prefácio é assinado por Eddie Redmayne, ganhador do Óscar como intérprete de Hawking no cinema; a introdução ficou ao encargo de Kip Thome, ganhador de prêmio Nobel de física; e o posfácio foi escrito por sua filha e escritora Lucy Hawking.

Bônus: Stephen Hawking do ponto de vista de outros autores

Stephen Hawking sempre foi uma figura marcante, tanto por seu brilhantismo acadêmico quanto pela sua trajetória de vida. Desse modo, é fundamental conhecer um pouco das obras daqueles autores que escreveram acerca de um dos cientistas mais importantes de nosso tempo. Destacamos duas delas a seguir.

10. A teoria de tudo: a extraordinária história de Jane e Stephen Hawking

livro a teoria de tudo a extraordinaria historia

Este livro inspirou o aclamado filme homônimo, ganhador do maior prêmio do cinema britânico e indicado ao Iscar quando fora lançado, fazendo com que este livro fosse um dos produtos mais procurados à época.

A versão traduzida no Brasil não manteve o título original “Travelling to infinity: my life with Stephen” deste que é uma importante obra por ser um livro que conta algumas coisas da história de Stephen Hawking e sua parte humana, para além de seus questionamentos, estudos sobre buracos negros, galáxias, outras dimensões e tudo o que permeia sua teoria científica.

Escrito por ninguém menos que Jane Hawking, primeira esposa do cientista britânico, com quem Stephen Hawking foi casado por 25 anos (após o término, foi casado com Elaine Mason, uma de suas enfermeiras, por 11 anos entre 1995 a 2006), o livro de 448 páginas é uma revisão de outro livro de Jane Hawking, intitulado “Music to move the stars: a life with Stephen”, publicado em 1999 com 612 páginas.

Diferentemente dessa primeira versão, a revisão retira aspectos mais crus e sinceros das memórias de sua vida conjugal com Stephen Hawking, conferindo à história uma perspectiva mais positiva dos anos de relacionamento do físico e sua esposa.

Pode-se dizer que esta obra é um complemento à autobiografia do autor, pois conta a história da vida do físico pelo olhar de sua ex-esposa, relatando a história de amor vivida pelos dois, todo o sofrimento e a superação ano após ano, conforme o desenvolvimento da doença neurodegenerativa de Stephen.

Com efeito, o casamento ocorreu logo que ele recebeu o diagnóstico da Esclerose Lateral Amiotrófica e se estendeu por 25 anos, tendo como fruto três filhos e muita dedicação por parte de Jane Hawking que precisava encontrar o seu lugar na vida de Stephen Hawking entre a física, a fama e dinheiro advindos da publicação de sua primeira obra, e a doença incapacitante que o acometia.

11. Stephen Hawking: histórias de física e de uma amizade

livro stephen hawking

Esta biografia de 264 páginas foi escrita por Leonard Mlodinow, cientista Best Seller e renomado escritor de ciência, que trabalhou diretamente ao lado de Stephen Hawking e assina a coautoria do livro “Uma nova história do tempo”.

Neste livro, o autor não traz somente os aspectos singulares sobre a maneira como Stephen desenvolvia e conduzia as suas pesquisas. Ele discorre sobre a figura amiga, tecendo relatos íntimos e profundamente pessoais sobre as quase duas décadas de convivência com o célebre físico britânico, detalhando aspectos de sua personalidade e o seu notório bom humor.

Mlodinow apresenta ao público, de modo inspirador, todos os aprendizados adquiridos com Hawking – não somente sobre teorias da física, mas sobre a sua natureza e a prática do estudo, e um incontestável exemplo de superação de limitações.

A oportunidade de conhecer Stephen por outros olhos faz deste livro indispensável para quem deseja saber mais a fundo sobre uma das mentes mais brilhantes que a humanidade já teve.

Milhares de Livros em Promoções Diariamente na Amazon! Se você ama ler, não pode perder.